Buscar

Especial de Aniversário com as memórias e pinturas de Ida Hannemann de Campos


Em homenagem aos 323 anos de Curitiba e 1º ano da Toca Cultural, convidamos você a fazer um passeio pela capital, nas memórias e traços da artista plástica curitibana Ida Hannemann de Campos, de 93 anos. É uma viagem pelo tempo que vale a pena curtir!

Sobre a Artista Plástica

A pintora curitibana Ida Hannemann de Campos nasceu no dia 16 de junho de 1922 e desde os anos de 1940 frequentou o atelier de Guido Viaro, de quem herdou a sua forte tendência figurativa. Em mais de 70 anos de trabalho, permanece ativa e expressa com notável criatividade sua habilidade com o traço e a cor em desenhos, aquarelas, cerâmicas, gravuras, pinturas, tapeçarias e poesias. Ida é a pintora-poeta do cromatismo primaveril, reinventa a paisagem, principalmente, da sua cidade seja através da sua escrita ou de seus esboços, mas toda a sua obra é a poetização do seu cotidiano.

Seus pais, Henrique e Luiza, moravam no bairro do Bom Retiro em uma chácara familiar, local onde a artista ainda reside e tem o seu atelier. Estudou no Colégio Divina Providência e, por incentivo das freiras começou a se familiarizar com técnicas de pintura.

Em 1941, por sugestão de Theodoro de Bona, artista e amigo da família, Ida ingressa no atelier do pintor Guido Viaro. Estas e outras histórias estão no vídeo que a Toca Cultural preparou especialmente pra você.

A obra mais recente da artista é "Entre o pincel e a pena”, uma biografia completa que está sendo vendida no Solar do Rosário (Rua Duque de Caxias, 04).


1 visualização