Buscar

Paulinho Moska, dia 30


Comemorando 20 anos de carreira, Paulinho Moska volta a capital paranaense para mais um pocket show gratuito e aberto ao público, no Shopping Curitiba, na segunda-feira (30), às 18h. O carioca é convidado do “Trajeto Lumen Ao Vivo”, projeto do Shopping Curitiba em parceria com a Lumen FM. Além de cantar sucessos e apresentar as novidades, Moska vai bater um papo com fãs que estiverem presentes e dar autógrafos.

O artista está na estrada com o novo show “Violoz”, com produção Liga Entretenimento. Nesse show, o cantor é mais que uma voz e um violão. Um violão com cordas de Nylon, um violão com cordas de aço, um violão barítono (afinado em Si), um violão híbrido (violão guitarra) e um ukelelê são, agora, os parceiros do artista no palco.

Ele já emplacou 13 temas em trilhas de novelas e minisséries, como “O Último Dia” (“O Fim do Mundo)”, “A Seta e o Alvo” (“Zazá”), “Pensando em Você” (“Agora É que São Elas”) e “Tudo Novo de Novo” (tema de abertura da minissérie homônima). Também se tornou um compositor muito requisitado por outras vozes. A primeira foi Marina Lima, que, em 1995, abriu o álbum “Abrigo” com “Admito que Perdi”. Depois, vieram inúmeras outras gravações, por artistas como Maria Bethania (“Saudade”), Elba Ramalho (“Relampiano”), Ney Matogrosso (“O Último Dia” e “Gotas do Tempo Puro”), Maria Rita (“Muito Pouco”), Mart’nália (“Soneto do Teu Corpo”, “Sem Dizer Adeus” e “Namora Comigo”), Lenine (“Relampiano” e “Saudade”), e Zélia Duncan (“Carne e Osso”, “Não” e “Sinto Encanto”), entre tantas.

NOVIDADE

Tudo Que Acontece de Ruim é Para Melhorar” é a primeira parceria de Paulinho Moska com Mú Carvalho (tecladista e compositor da banda A Cor do Som). A canção foi composta em plena "crise" política e social no Brasil e a letra escrita pelo Moska funciona como um estímulo para acreditar num caminho de "mudança para melhor", seja qual for o resultado da disputa.

(FOTO: JORGE BISPO)


3 visualizações

Posts recentes

Ver tudo