Buscar

Cia Teatro Filhos da Lua segue com espetáculo gratuito até 03 de setembro, no Teatro Novelas Curitib


O tempo é o assunto que norteia o novo e premiado texto de Renato Perré, que a Cia Teatro Filhos da Lua leva para o palco do teatro Novelas Curitibanas (R. Pres. Carlos Cavalcanti, 1.222) até o dia 03 de setembro. Com direção de Adriano Esturilho, “Tempo, Tragicomédia Inacabada” é um espetáculo experimental, que propõe a integração de linguagens do teatro de figura humana com o teatro de formas animadas, o audiovisual e a música.

A temporada gratuita segue sempre as sextas, sábados e domingos, às 20h.

Na trama, o protagonista “H” tem o desafio de libertar a mulher grávida e o Vento, aprisionados (e paralisados) pelos Soldados do Tempo. Uma aventura épica, de luta, prisão, loucura ou sanidade total, que deixa no ar uma inquietante pergunta sobre estarmos plenamente vivos nessa aventura que é o tempo.

Para o experiente Perré, colocar este texto no palco é um exercício prazeroso de encontrar o ‘Tempo certo para que as coisas aconteçam’. “Não exatamente o espaço calmo, mas o momento intenso de usar toda a experiência e a vontade acumulada desde o prêmio Oraci Gemba em 2008 até hoje”, comenta. Neste instante, segue o autor, o desafio é “antropofágico como toda boa e moleca arte brasileira”. “É conjugar os talentos dessa equipe unida e criativa sob a batuta anárquica de Adriano Esturilho”, diz adiantando que o público é convidado a participar de momentos instigantes auditivos, visuais, cênicos. “Inclusive pode participar desde já nos enviando nas páginas das redes sociais poemas, frases, pensamentos filosóficos sobre o tema Tempo para colocarmos na cena do último outono da terra...”, convida Perré.

FOTOS: PAULINHA KOSLOWSKI

#CiaTeatroFilhosdaLua #teatronovelascuritibanas

0 visualização