Buscar

Exposição de Carlos Fajardo fica em cartaz no MON até abril de 2019


O Museu Oscar Niemeyer (Rua Marechal Hermes, 999 - Centro Cívico) abre ao público curitibano esta semana a mostra "Diáfano - Reflexos, transparências e opacidade na obra de Carlos Fajardo”, com curadoria de Henrique Xavier. O evento será no mesmo dia do aniversário do museu, 22 de novembro, quinta-feira, às 19h15, com entrada franca até 21h.

A exposição faz parte de um amplo projeto de exposições e pes­quisa sobre a obra de Carlos Fajardo, apresentando, sobretudo, a produção mais recente do artista, inclusive uma obra foi criada especialmente para a mostra. A mostra apresenta obras que trabalham sobretudo com um tipo de superfície mui­to especial: a reflexiva. Elas são marcadas pelo uso estético de vidros, espelhos e superfícies semirreflexivas, transparentes e coloridas, as quais são combinadas não apenas entre si, mas também associadas a fotografias de grandes dimensões, a feltros de lã de ovelha, a prata moldada à mão, caixas e estruturas tridimensionais.

A carreira de Fajardo tem sido de intensa renovação, desde o princípio, em 1966.

“São desenhos, pinturas, vídeos, esculturas e instalações; sendo, principalmente, obras que possuem um tênue erotis­mo, pois lidam sutilmente com a presença, o corpo e o desejo do espectador”, analisa o curador.

Por meio deste conjunto de materiais são produzidas experiências capazes de brincar, duplicar e fundir espa­ço, cor, arquitetura e a imagem dos próprios espectadores presentes na exposição.

As criações do artista serão dispostas procurando interagir entre si e com o espa­ço, operando como uma única e grande instalação. Assim, o espectador não se depara apenas com uma série de obras autônomas, uma ao lado da outra, mas com um conjunto coeso que reflete a si mesmo em um diálogo com o ambiente, apropriando-se esteticamente do próprio espaço do museu.

A mostra fica em cartaz até 28 de abril de 2019. A visitação pode ser feita de terça a domingo, das 10h às 18h. No dia da abertura a entrada é gratuita.

#CarlosAlbertoFajardo #MuseuOscarNiemeyer #HenriqueXavier

0 visualização