Buscar

Grupo Malasartes leva a cultura do brinquedo artesanal para várias cidades paranaenses


O projeto itinerante “Caixa de Brinquedos – A Expressão Lúdica Popular”, do grupo curitibano Malasartes, está viajando o Paraná. Várias regiões do Estado, que raramente recebem atrações culturais, serão contempladas com o projeto. A primeira cidade a receber o projeto nos dias 26 e 27 de setembro será Bocaiúva do Sul, na região metropolitana de Curitiba.

A montagem conta com a participação dos atores-brincantes Rafael Barreiros e Milene Lopes Dias, que apresentam de maneira cativante e interativa a história, a beleza e a cultura própria destes brinquedos que são a expressão viva de nossa cultura popular. Pião, mané-gostoso, escada-de-jacó, bilboquê, avião de lata, corrupio são alguns dos atrativos infantis que serão vivenciados pelo público.

Os brinquedos artesanais são encontrados nas mais diversas regiões e produzidos com um reaproveitamento rico e variado de materiais. Essa é uma tradição popular que está caminhando para um desaparecimento gradativo. Com a produção em escala industrial de brinquedos que atendem desejos mais comerciais, o brinquedo artesanal acaba sendo discriminado e levado ao esquecimento. Por isso, o projeto “Caixa de Brinquedos” vem resgatar essa legítima expressão da arte popular com toda a sua diversidade, forma e movimentos, resultado de um dedicado trabalho manual capaz de criar e reconectar as engenhosas obras brincantes ao público infantil.

“Queremos promover o contato das crianças com esta tradição que lhes é ancestral e que lhes pertence por herança, já que o brinquedo artesanal tem profunda ligação com questões de identidade, tanto do indivíduo quanto do grupo social. Além disso, esse brinquedo pode instigar no adulto o florescimento de memórias de infância, tornando-se o centro de momentos de comunhão, de brincadeiras entre filhos, pais e avós”, relata o diretor artístico Luis Teixeira.

O projeto “Caixa de Brinquedos – A Expressão Lúdica Popular” é realizado pela Malasartes – Educação Sensível com o incentivo do Governo do Estado do Paraná por meio do PROFICE (Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura do Paraná) e apoio da COPEL. As apresentações serão distribuídas gratuitamente em escolas públicas dos municípios de Bocaiúva do Sul, Cerro Azul, Pinhão, Laranjeiras do Sul, Santa Maria do Oeste, Pitanga, Wenceslau Braz e Ibaiti.

O Grupo Malasartes é um coletivo de intervenção artística dedicado à criação de oficinas e apresentações itinerantes para crianças e jovens, com foco na difusão da cultura popular e de histórias da tradição oral. Criado em 1995, esse núcleo realiza há mais de 24 anos trabalhos de interação sensível em espaços comunitários (escolas, hospitais, bibliotecas etc.), e traz em sua trajetória cerca de 30 projetos culturais realizados, usando uma combinação de três eixos de pesquisa e atuação: a Oralidade, a Ludicidade e a Gestualidade.

FICHA TÉCNICA

Atores Brincantes: Rafael Barreiros e Milene Lopes Dias

Direção Artística e Produção: Luis Teixeira

Coordenação Pedagógica: Adriane Havro

Design Gráfico: Adriana Alegria

Ilustração: Heliana Grudzien

Assessoria/ Mídia Sociais: Kika Marquardt

#GrupoMalasartes #CaixadeBrinquedosAExpressãoLúdicaPopular #BocaiúvadoSul #RafaelBarreiros #MileneLopesDias #LuisTeixeira #MalasartesEducaçãoSensível #GovernodoEstadodoParaná #PROFICE #Copel

0 visualização