top of page
Buscar

Curitiba recebe o espetáculo criado a partir da história da luz pra falar sobre a natureza humana

O monólogo de Wagner Corrêa traz reflexões sobre as diversas simbologias que envolvem a luz, e será apresentado na Caixa Cultural.

Lusco Fusco | Foto: Lidia Ueta

Ao falar de luz, qual é a primeira coisa que vem à cabeça? Lâmpada? A velocidade da luz? A luz do conhecimento? Vida? Ausência de luz? Morte? Esses são todos questionamentos que o monólogo "Lusco-Fusco", de Wagner Corrêa, traz entre os dias 01 e 18 de junho, na Caixa Cultural Curitiba. A entrada para o espetáculo é gratuita.

A peça é uma reflexão dramática e, ao mesmo tempo, bem-humorada, sobre a luz e suas diversas simbologias ao longo do tempo. Em Lusco-Fusco, a luz é mostrada como elemento primordial da existência humana, desde sua concepção mitológico-religiosa até sua relação com a ciência e a arte. Wagner, que além de ator também é iluminador e artista visual, constrói uma espécie de peça-palestra, em que tenta explicar as origens da luz. O artista traz à cena a personalidade de um comediante debochado em um stand-up que chega, debochadamente, em conclusões óbvias.

Foto: Lidia Ueta

As interrupções também fazem parte do monólogo. O artista usa desse ponto para fazer uma comparação com a vida, que é feita de interrupções e que, ao final, é interrompida pela morte. Toda essa história e discussão sobre a luz conta com o apoio da mesma. “Da luz que é texto, da luz que é personagem, da luz que é atmosfera. E, por que não, da luz que é interrupção. A luz cria e a luz mata. Pense numa sombra, ela não existe sem uma luz em um certo ângulo. Mas ligue outro refletor e bum! Uma sombra morta, assim como um cachorro, um vagalume, um peixe, um filho ou um pai. Talvez em Lusco-Fusco todos morram. Ou não”, brinca o artista.

Juntamente com Wagner, fazem parte dessa pesquisa, Nadja Naira, responsável pela direção e Nina Rosa Sá no texto, ambas também iluminadoras. E fechando esse grupo de artistas-iluminadores-criadores temos Beto Bruel, que ficou encarregado de criar a iluminação desse espetáculo onde a luz é o ponto de partida.

Mas a equipe ainda conta com importantes artistas que fizeram parte do processo de criação desse espetáculo: Amabilis de Jesus (figurino), Ary Giordani (sonoplastia e desenho de som), Paulo Vinicius (cenário), Peter Abudi (preparação corporal) Manolo Fraga (criação visual e projeção mapeada) e Adriana Alegria (na identidade visual)

Com referências à obra de Rubens, William Turner e de Robert Eggers, a peça contrasta elementos contemporâneos, como vídeo mapping e fontes alternativas de luz, com a arte de narrar imagens para construir uma história.

Serviço

LUSCO-FUSCO

Datas: 01 a 18 de junho de 2023

Horários: De quinta a sábado, às 20 horas, e domingos às 19 horas

Local: Caixa Cultural Curitiba (Rua Conselheiro Laurindo, 280 - Centro).

Ingressos: Entrada Gratuita

Retirada de ingressos a partir de uma hora antes da apresentação

Classificação Indicativa: 14 anos

Ficha Técnica

Elenco: Wagner Correa

Direção: Nadja Naira

Texto: Nina Rosa Sá

Iluminação: Beto Bruel

Cenário: Paulo Vinicius

Figurino: Amabilis de Jesus

Sonoplastia e Desenho de som: Ary Giordani

Criação visual e Projeção mapeada: Manolo Fraga

Preparação Corporal: Peter Abudi

Cenotécnico: Nietzche

Interlocutor Artístico: Vivaldo Vieira Neto

Designer Gráfico: Adriana Alegria

Assessoria de Imprensa e Mídias Sociais: Com Leite Comunicação Integrada

Fotos divulgação e registro: Lidia Ueta

Registro de Vídeo: Alan Raffo

Assistentes/criadores: Alice Alegria, Davi Correa, Kaoana Maria e Milena Sugiyama

Intérpretes de Libras: Nathan Salles e Jessica Nascimento

Captação de recursos: Carol Roehrig

Assistente de Produção: Danatha Siqueira

Diretor de Produção: Edran Mariano

Produção: Marianinho Produções

Realização: Lumiô

Oficina - PROJETOS DE LUZ PARA TEATRO

Ministrante: Wagner Corrêa

Datas: de 06 a 21 de junho - terças e quartas-feiras

Horário: das 19 as 22 hrs

Local: Caixa Cultural Curitiba

Carga horária: 18 horas/aula

Público alvo: Estudantes de teatro, técnicos de luz , iluminadores, interessados em geral.

Link de Inscrição: bit.ly/OficinaDesenhoDeLuz

Bate-papo - DO LAMPIÃO AO LED - UM BATE PAPO SOBRE ILUMINAÇÃO

com Nadja Naira e Wagner Corrêa

Dia 17 de junho

Horário: 15 horas

Local: Caixa Cultural Curitiba

Entrada Gratuita


Informações: Lívia Zeferino

9 visualizações

Comments


bottom of page