Buscar

Escritoras apostam em financiamento coletivo para lançar documentário sobre empreendedorismo

O livro escrito pelas brasileiras Taciana Mello e Fernanda Moura, fundadoras do The Girls On The Road, apresenta histórias de mulheres no mundo empreendedor. “É preciso mostrar o que elas têm feito em todos os ambientes e o mundo empreendedor é certamente mais um no qual mulheres precisam ser reconhecidas e estimuladas. Não se trata apenas de uma questão de igualdade, mas também econômica. É necessário mais mulheres na economia”, afirma Fernanda Moura.


Iniciado em julho de 2016, com a observação das brasileiras sobre o empreendedorismo no Vale do Silício, na Califórnia, o projeto transformou a dupla de brasileiras em ativistas na busca por caminhos para explicitar o impacto feminino no mundo e um desses (caminhos) é trazer exemplos femininos que sirvam de referências para outras mulheres. “Representatividade importa, sim. Muito. Histórias têm o poder de mudar argumentos, atitudes e narrativas”, afirmou Taciana. Daí surgiu o interesse de relatar, na forma de entrevistas em um documentário, a jornada empreendedora, mas, principalmente, as conquistas alcançadas por essas mulheres mundo afora.


O projeto The Girls On The Road percorreu 99.534 mil quilômetros e realizou mais de 300 entrevistas, nos 5 continentes, com mulheres empreendedoras e especialistas em empreendedorismo. “Desse universo temos a certeza reforçada de que há muito para conhecer e contar sobre mulheres que, ao redor do mundo, abriram um negócio e têm feito muito mais que isso, têm aberto portas para uma mudança cultural”, afirma Taciana. As dificuldades variam de acordo com o destino, mas são uma constante. “Mulheres ainda enfrentam mais obstáculos para empreender e não importa o país, a cultura ou o ambiente empreendedor. A intensidade pode variar, mas os desafios estão lá”, completou Fernanda.


Ao longo dos 15 meses, a dupla navegou alguns aspectos socioculturais dos países visitados e teve uma vivência que foi além das entrevistas. “Tivemos a oportunidade de conhecer um pouco do papel e da percepção em relação à mulher por meio delas próprias. Foi um excelente exercício para quebrar os nossos próprios paradigmas e preconceitos”, destacou Taciana. O livro conta também sobre o processo de tirar o projeto do papel. “Foi a nossa estreia no empreendedorismo”, afirmam.


Países visitados

Estados Unidos, Canadá, México, Japão, Coreia do Sul, China, Cingapura, Malásia, Austrália, Nova Zelândia, Brasil, Chile, Cuba, Alemanha, Noruega, Portugal, França, Rússia, Líbano, Jordânia, Israel, Índia, Quênia e Ruanda.


Se você gostou da ideia e também quer ajudar este projeto virar realidade, acesse o link da campanha: https://www.kickante.com.br/campanhas/girls-road Mais informações - https://www.thegirlsontheroad.com/midia/

6 visualizações