Buscar

Mês das Mulheres destaca o protagonismo das mulheres na cultura

Mesas-redondas, palestras, declamação de poesias, roda de leitura, apresentações musicais, oficinas, visitas mediadas e uma exposição fazem parte da programação

A Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura (SECC) promove em março o Mês das Mulheres, com destaque para o protagonismo das mulheres na cultura. O objetivo é apresentar ao público uma ampliação de repertório de mulheres na cultura: artistas, pesquisadoras, trabalhadoras do audiovisual, musicistas, poetisas, empreendedoras e agentes culturais.


Na programação, mesas-redondas, palestras, declamação de poesias, roda de leitura, apresentações musicais, oficinas, visitas mediadas e uma exposição. As atividades são abertas a toda a população.

A realização das atividades no Mês das Mulheres deseja colocar luz e ampliar o repertório sobre a presença das mulheres nas diversas áreas da cultura. Todos os diálogos fazem parte das narrativas concebidas pela pluralidade de formas de ser mulher em 2020”, explica a coordenadora de Ação Cultural da SECC, Mariana Bernal.

DIÁLOGOS PERTINENTES


O ciclo de mesas-redondas “Diálogos pertinentes: mulheres e cultura” vai reunir profissionais mulheres de diferentes áreas de atuação para falar sobre suas experiências em cinco perspectivas: fazer, criar, sentir, refletir e empreender. De 10 a 13 de março, sempre às 18h30, na Sala Adalice Araújo (R. Ébano Pereira, 240, Centro, Curitiba-PR).


No dia 10 de março o diálogo é com as mulheres que fazem: Ariane Santos, Marielle Loyola e Rosângela Nina Araújo. Na quarta 11, as mulheres que criam Simone Landal e Uiara Bartira conduzem a conversa. Quinta, 12, Camila Macedo e Emanuela Siqueira são as mulheres que imaginam. Encerrando o ciclo de mesas, dia 13, as mulheres que refletem, Kênia Coqueiro, Mariana Sanchez e Silvia Monteiro se reúnem para o bate-papo.


Haverá também uma oficina de empreendedorismo no dia 18 de março, com foco em mulheres que empreendem na economia criativa. Serão duas turmas, às 9h e às 14h, conduzidas por Geovana Conti. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site da secretaria.


PROGRAMAÇÃO


As primeiras atividades ocorrem na sexta, dia 6 de março, na Biblioteca Pública do Paraná (BPP), com declamação de poesias com o coletivo SLAM das gurias às 11h30, 15h45 e 17h45. No mesmo dia, às 16h30, o Mulherio das Letras faz uma roda de leitura sobre feminicídio. Quase no fim do dia, às 18h, a orquestra Ladies Ensemble faz um concerto. Ainda na BPP, no dia 27, das 17h às 20h, a coordenadora de Políticas para a Mulher da Casa Civil, Goretti Bussolo, organiza rodas de conversas com mulheres que viveram a violência e fizeram da dor poesia.


No domingo, dia 8, o Museu Oscar Niemeyer (MON) propõe programação o dia todo. Das 11h às 14h30 a equipe do Educativo realiza a oficina “livros livres” e às 16h30 conduz uma visita mediada pela exposição “Sou o espaço onde estou” do programa Artistas do acervo. Já às 15h, a artista Juliana Stein ministra a oficina “Eu, curadora de mim”, utilizando a técnica de pintura em aquarela e encadernação de diário.


O Museu Paranaense (MUPA) traz as musicistas Bettina Jucksch e Carmen Fregoneze para o show “Música paranaense para violino e piano” no dia 12 de março, às 19h. E no dia 26 de março, também às 19h, o museu recebe a pesquisadora Sandra Benites, primeira mulher indígena a ser curadora de um museu de arte do Brasil, o MASP, para uma palestra sobre seu trabalho e sua trajetória.


Trabalhadoras da área audiovisual conversam sobre cinema no Museu da Imagem e do Som do Paraná (MIS-PR) no dia 13 de março, às 19h. O evento integra a série de mesas-redondas “Conversas de cinema – 10 diálogos com trabalhadoras do audiovisual” que segue com encontros até dezembro de 2020. “Roteiro” é o tema do primeiro diálogo, que reúne Alana Rodrigues, Alessandra Pajolla, Jessica Candal e Maria Shu, com mediação de Sônia Procópio.


No Museu de Arte Contemporânea do Paraná (MAC-PR) a mesa-redonda “Arte não tem gênero, mas artista sim” é a programação no dia 19, às 19h. No dia seguinte, 20 de março, às 19h, tem palestra com Ana Paula Simioni, pesquisadora sobre artistas mulheres na história da arte moderna brasileira.


O Centro Cultural Teatro Guaíra (CCTG) expõe de 8 a 20 de março, nas vitrines externas do espaço, uma mostra em homenagem a grandes atrizes paranaenses. Serão homenageadas Claudete Pereira Jorge, Delcy D'Ávila, Lala Schneider, Luciana Querubim, Neusa Cascaes, Odelair Rodrigues e Yara Sarmento.


Serviço

Mês das Mulheres De 6 a 27 de março de 2020 Programação completa: www.cultura.pr.gov.br


ENDEREÇOS

Biblioteca Pública do Paraná. Rua Cândido Lopes, 133. Centro. Curitiba/PR. Entrada gratuita

Centro Cultural Teatro Guaíra. Rua XV de Novembro, 971. Centro. Curitiba/PR. Entrada gratuita

Museu de Arte Contemporânea do Paraná. Rua Marechal Hermes, 999. Centro Cívico. Curitiba/PR. Entrada R$20 e R$10

Museu da Imagem e do Som do Paraná. Rua Barão do Rio Branco, 395. Centro. Curitiba/PR. Entrada gratuita

Museu Oscar Niemeyer. Rua Marechal Hermes, 999. Centro Cívico. Curitiba/PR. Entrada R$20 e R$10

Museu Paranaense. Rua Kellers, 289. Alto São Francisco. Curitiba/PR. Entrada gratuita

Superintendência da Cultura. Rua Ébano Pereira, 240. Centro. Curitiba/PR. Entrada gratuita


Assessoria de Comunicação

Superintendência da Cultura

Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura do Paraná

0 visualização