top of page
Buscar

MON inaugura exposição “Bancos Indígenas do Brasil”

Evento de abertura será no dia 23 de junho, na Sala 6. A curadoria é de Marisa Moreira Salles e Tomas Alvim.

Banco Onça Mehinaku | Foto: Rafael Costa

A mostra reúne mais de 200 bancos, pertencentes à Coleção BEĨ, provenientes de 40 etnias da Amazônia. Dividida em duas partes, a primeira é dedicada à extensa produção da Terra Indígena do Xingu, localizada no Mato Grosso. A segunda parte reúne demais povos indígenas de várias partes da Amazônia, localizadas no Acre, Pará, Tocantins, Maranhão, Roraima, Amapá e Amazonas. A exposição conta ainda com um banco de uma etnia de Santa Catarina e com seis grandes imagens feitas pelo fotógrafo Rafael Costa, no Território Indígena do Xingu (TIX).

“A arte indígena, assim como a asiática e a africana, sempre inspirou artistas. Cada vez mais aberto e plural, o Museu Oscar Niemeyer coloca lado a lado culturas diversas que, ao mesmo tempo que conversam, demonstram sua singularidade e nos permitem uma interessante visão de mundo”, afirma a diretora-presidente do MON, Juliana Vosnika.

Para a superintendente-geral da Cultura, Luciana Casagrande Pereira, com a presente exposição, o Museu acrescenta mais uma camada à sua abordagem plural das artes. “Estabelecer uma ponte com povos originários por meio de objetos simbólicos de suas culturas é um presente para o grande público que visita o MON, essa importantíssima instituição cultural do Paraná”, afirma. Os curadores explicam que a Coleção BEĨ nasceu de um deslumbramento estético com a inequívoca beleza de formas, cores, grafismos e texturas dos bancos indígenas brasileiros. “Sua trajetória parte do encantamento para a compreensão mais profunda de seus significados”, afirma Marisa Moreira Salles. “Ao abordar a arte dos povos originários com a realização dessa grandiosa exposição, o MON mostra o seu vanguardismo”, comenta Tomas Alvim.

Serviço:

"Bancos Indígenas do Brasil” Museu Oscar Niemeyer (MON) Sala 6 A partir de 23 de junho www.museuoscarniemeyer.org.br

9 visualizações

Comments


bottom of page