Buscar

"Três Marias" é o novo videoclipe da acordeonista paranaense Ágatha Pradnik


Lançado em 25 de novembro, com produção visual de Carla Lorentz, "Três Marias" é o primeiro videoclipe da acordeonista paranaense Ágatha Pradnik. A produção narrada em três idiomas (ucraniano, polonês e português) e retrata, através de um ponto de vista predominantemente feminino, o período da campanha de nacionalização durante o Estado Novo, quando houve a proibição do uso de línguas estrangeiras no Brasil.

“Três Marias” apresenta uma textura permeada de melancolia; a harmonia com uma forma simples, encontrada em canções folclóricas e o ritmo de valsa que lembra o enlevo francês.


Ágatha Pradnik é musicista, pianista e acordeonista da cidade de Pinhais (PR). Seu repertório é voltado para a música folclórica eslava alinhada ao contexto moderno e à própria identidade singular da artista.


Com equilíbrio entre intensidade e delicadeza, Ágatha buscou inspiração nas histórias de suas ancestrais para criar "Três Marias", unindo o mote histórico ao desejo de produzir uma obra que pudesse sintetizar seu trabalho, influências e objetivos. 

Fotos: Carla Lorentz

“Três Marias é uma leitura sobre a infância vivida pelos descendentes de imigrantes europeus no sul do Brasil, no século XX. Um apelo nostálgico ao estilo de vida daquele tempo, à cultura e à tradição que, aos poucos, fica para trás. Não que ela não exista mais, porém já não é mais a mesma – e nem há como ser".

Narrada em três idiomas, a inspiração lírica foi encontrada em histórias familiares, e a gravação foi comandada por José Luis Manrique, teve mixagem e masterização de Felipe Ayres e a produção visual elaborada por Carla Lorentz. A partir de dezembro, o single estará nas principais plataformas digitais e o clipe pode ser conferido no Youtube:


Assista:


52 visualizações