top of page
Buscar

Tradições folclóricas do Grupo Piccola Itália serão apresentadas neste domingo, 29.

Video foi produzido para o projeto "O que nos Une", da Associação Interétnica do Paraná, e será exibido às 21h no Youtube.

O Piccola Itália contempla as categorias Bambini, Infantil, Juvenil, Adulto e Master | Foto: Toca Cultural

A paixão pelo folclore tem sido o combustível para os grupos folclóricos filiados a Aintepar manterem vivas as atividades de resgate e preservação da cultura, mesmo diante de tantos desafios impostos nos últimos tempos por conta da pandemia de Covid-19.


Em entrevista à Toca Cultural, Talita Cequinel Serenato, do Grupo Folclórico Piccola Itália, conta como isso tudo foi difícil, afinal, todos os anos, era no palco do Teatro Guaíra, no Festival Folclórico de Etnias do Paraná que todos se encontravam para celebrar o folclore italiano.

"Continua sendo um momento muito triste, nessa época especialmente estávamos todos envolvidos com ensaios, provas de trajes e toda a preparação que envolve o Festival. Não é fácil lidar com a distância, com a incerteza, mas seguimos confiantes de que logo estaremos juntos novamente e que em 2022 faremos um lindo e inesquecível festival!"
Alegria do folclore italiano é sempre marcante | Foto: Toca Cultural

Fundado em 1991 em Campo Largo, no Centro Cultural Italiano de Rondinha, o Grupo Folclórico Piccola Itália reúne descendentes e filhos dos filhos dos primeiros imigrantes italianos que colonizaram a cidade há mais de um século. Com o objetivo de preservar a história de seus antepassados, os integrantes dedicam suas atividades para o resgate das tradicionais danças que foram passando de geração em geração.

Talita relata que o grupo ainda não conseguiu retomar os ensaios presenciais, devido às incertezas impostas pela pandemia e a preocupação com a segurança de todos os integrantes. Será somente com o avanço da vacinação de seus integrantes que, segundo ela, será possível garantir um retorno seguro.

"Não tivemos a perda de nenhum componente direto, porém muitos perderam familiares e amigos. E nosso papel é de dar força e todo o suporte necessário para todos os que passaram e ainda estão passando por isso".
Festival de 2019, no Guairão | Foto: Toca Cultural

Para este domingo, 29 de agosto, o grupo também preparou um vídeo contando um pouco de sua história no resgate da cultura italiana e de como têm feito para se manter unido, mesmo nos momentos mais difíceis. O material integra o projeto "O que nos Une", criado pela Aintepar - Associação Interétnica do Paraná, para homenagear o mês do Folclore. A programação começou no dia 16 de agosto, no canal do Youtube da entidade, e segue até amanhã, dia 30, com a última apresentação do Grupo do Centro Espanhol do Paraná.


O vídeo do Piccola Itália será exibido neste domingo, 29 de agosto, às 21h, no Canal do Youtube da Aintepar.E sem desanimar, como mensagem final, Talita acredita que há de se ter esperança para que tudo volte logo ao normal.

"Mais do que nunca, é hora de termos esperança! Acredito que em nenhum momento da história do Festival e mesmo da história dos grupos tivemos que ficar tanto tempo afastados, mas queremos acreditar que em breve tudo isso irá acabar, e que o “novo normal” fará da saudade um combustível para mantermos vivas nossas tradições e nossa história! Fiquem firmes! Vamos continuar unidos, ainda que fisicamente separados!"

188 visualizações

Comentarios


bottom of page