Buscar

3º Tocadores - Encontro de Tradições, será realizado em agosto

Depois de três anos, festival de culturas tradicionais retorna ao calendário de apresentações no Memorial de Curitiba.

Boi de Mamão com Grupo Mandicuera | Foto: Daniel Castellano

Música, dança, artesanato, histórias e sabedorias populares. Estes ingredientes voltam a se encontrar na terceira edição do festival Tocadores - Encontro de Tradições. Depois de três anos de intervalo, por conta da pandemia, o evento ganha edição de retorno nos dias 18 e 19 de agosto, no Memorial de Curitiba.

Com programação totalmente gratuita, o festival reunirá grupos, cooperativas e mestres tradicionais representantes de diversas etnias, regiões e expressões populares do Paraná, além de convidados de outros estados. Nos dois dias, a programação acontecerá das 9h às 18h. Entre as atividades, destaque para apresentações, encontros com o público, oficinas, rodas de conversa e feira de arte popular e artesanato.

O evento é organizado pela Olaria Projetos de Arte e Educação, e tem Lia Marchi como curadora, LM. Stein e Marinardes Marchi à frente da produção. A equipe tem um extenso trabalho de documentação e divulgação de tradições populares, tendo registrado ao longo de 24 anos diferentes culturas do Brasil e de Portugal, editando livros e documentários.

Fandango com Grupo Mandicuera | Foto: Daniel Castellano

A primeira edição do Encontro de Tradições aconteceu em 2017, na cidade litorânea de Antonina, reunindo grupos e artistas de todo o estado. A segunda ocorreu em 2019, em Palmeira. Nas duas, foram representadas importantes manifestações, como apresentações e oficinas de fandango, congada, folia de Reis, tradições indígenas e raízes africanas, danças ucranianas, tambores japoneses, entre outras atividades que envolveram toda a comunidade.


O Encontro conta com programação para todas as idades e várias atividades para as crianças também fazem parte do evento.

A Olaria

Criada em 1999 em Curitiba, a Olaria Projetos de Arte e Educação participa de projetos artísticos e educacionais. O foco de seus trabalhos envolve culturas populares, patrimônio cultural, educação pela arte e música e dança tradicionais.


Lia e Stein | Foto: Daniel Castellano

A cineasta, pesquisadora, professora e produtora Lia Marchi e a professora e produtora Marinardes Marchi fundaram a Olaria há mais de 20 anos. Entre outros trabalhos, a Olaria já fez séries televisivas, documentários e livros que revelam tradições populares do Brasil e de Portugal, com especial destaque para o Paraná, passando por temas como o Boi de Mamão, fandango, folias de Reis até as benzedeiras no interior do Paraná.


Serviço

3º Tocadores - Encontro de Tradições

Data: 18 e 19 de agosto de 2022 – quinta e sexta-feira.

Local: Memorial de Curitiba (R. Claudino dos Santos, sem número – São Francisco)

Site: www.encontrodetradicoes.com.br

Canal: www.youtube.com/liamarchi

Instagram: www.instagram.com/lia_marchi/ e www.instagram.com/encontrodetradicoes/

APOIO: COPEL

PROJETO APROVADO NO PROGRAMA ESTADUAL DE FOMENTO E INCENTIVO À CULTURA / PROFICE DA SECRETARIA DE ESTADO DA COMUNICAÇÃO SOCIAL E CULTURA / GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ

Informações: FC Comunicação | Assessoria de Imprensa

7 visualizações