Buscar

Balé Teatro Guaíra dança “Carmen” no Parque Tanguá neste sábado (6)

A coreografia é inspirada na ópera de Georges Bizet e se tornou um dos maiores sucessos da história do BTG.


A apresentação é gratuita e faz parte do projeto “Parques e Praças”, que tem o objetivo de levar espetáculos culturais a um público amplo de forma segura, considerando o cenário de controle da pandemia e ampla vacinação.


O momento de reencontro com a plateia foi muito aguardado pelos bailarinos do Balé Teatro Guaíra. Apesar do sucesso de produções virtuais, como “Valsa de Apartamento”, a equipe sentia falta da troca que acontece com o público. Para Luana Nery, bailarina que interpreta Carmen, os espectadores podem esperar uma apresentação com muita emoção.


“É algo que a gente desejava muito, sentimos saudades da resposta do público. Trabalhamos quase dois anos pelas redes sociais, mas não há calor humano, olhar, corpo. Não sentíamos a energia das pessoas.”

A ação é uma parceria da Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura, Centro Cultural Teatro Guaíra, PalcoParaná e Prefeitura de Curitiba.

“Carmen”

“Carmen” é uma das tragédias mais conhecidas da história da arte. A trama é tecida por Carmen, uma cigana sedutora, o toureiro Escamillo, o cabo da polícia Don José e sua noiva Micaela. A obra nos aproxima da realidade quando escancara o feminicídio, tão conhecido da nossa sociedade atual. Um trabalho que se articula a partir da dramaturgia da ópera e da trilha composta por Rodion Shchedrin e Georges Bizet. Carmen é uma obra criada para o Balé Teatro Guaíra em 2016, com concepção e coreografia de Luiz Fernando Bongiovanni.


Serviço

Confira as demais apresentações

Dia 6 de novembro, Parque Tanguá, às 15h: Balé Teatro Guaíra apresenta “Carmen”;

Dia 12 de novembro, Praça Generoso Marques, às 15h: Balé Teatro Guaíra apresenta “Caixa de Cores”;

Dia 20 de novembro, Parque São Lourenço, às 15h: Escola de Dança Teatro Guaíra apresenta trechos de “O Lago dos Cisnes”, “Princesa Florine” e repertório contemporâneo;

Dia 26 de novembro, Praça Santos Andrade, às 15h: Escola de Dança Teatro Guaíra apresenta trechos de “O Quebra-Nozes”, “Giselle” e repertório contemporâneo;

Dia 4 de dezembro, Museu Oscar Niemeyer, às 15h: G2 Cia. de Dança apresenta repertório contemporâneo.

6 visualizações