Buscar

Espetáculo sobre conquistas femininas foi inspirado em história real

"SETE" já está nas plataformas digitais e contará também com live temática no Dia da Mulher.

Atriz Ana Paula Taques | Foto Dvid D'Visant

Conquistas femininas, violência contra a mulher e racismo são os temas que permeiam o espetáculo SETE. No palco, os atores Ana Paula Taques, Erica Colognezi, Geisa Costa, Gideão Ferreira e Leonardo Goulart interpretam a história da heroína trágica, da mulher sequestrada, violentada que estabelece uma relação com o médico responsável por não deixar que as pessoas morram em tortura.

"A peça é uma denúncia poética que traz para o palco a energia da mulher, um jogo de vozes e harmonias musicais, uma fricção de cores, de sentimentos”, define o diretor Thadeu Peronne.

O espetáculo SETE já está disponível gratuitamente nas plataformas digitais da Fundação Cultural de Curitiba e da Thadeu Peronne Produções, por meio de aprovação no Licenciamento Digital com recursos da Lei Aldir Blanc.


SETE traça um paralelo com a violência contra mulheres no Brasil e no mundo.

O texto dramatúrgico foi inspirado na história real da advogada líbia Eman al-Obeidi que invade um hotel e denuncia ter sido estuprada por quinze soldados, durante dois dias seguidos. Além do espetáculo digital, no Dia Internacional da Mulher o grupo realiza uma live temática no

Instagram da Thadeu Peronne Produções, com a mediação de Thadeu Peronne, o diretor de SETE.

Haverá participações da dramaturga Dione Carlos, da atriz e ativista Geisa Costa e do diretor musical Harry Crowl.


Serviço:

Espetáculo "SETE", disponível até 15 de março: https://youtu.be/TLhaKPnfDgE

Live no Dia Internacional da Mulher - 8 de Março: Instagram: @thadeu_peronne

Informações: Karen Monteiro Comunicação e Tradução | karenmonteiroconteudoetraducao@gmail.com

18 visualizações