top of page
Buscar

Livro de fantasia faz referências a marcas de instrumentos musicais

Em "Cavaleiros da Tempestade", Adriano Rossi revela um mundo onde a música é capaz de controlar a magia, e cada acorde pode determinar o destino de uma batalha.

Adriano Rossi lança Cavaleiros da Tempestade | Foto: Divulgação

No país de Cisam, duas cidades enfrentam o iminente desarranjo entre o Caos e a Ordem, as forças mágicas que regem aquele mundo. Para enfrentar esta perigosa ameaça, tudo o que um bando de aventureiros tem é o poder de seus acordes.

O livro Cavaleiros da Tempestade, de Adriano Rossi, apresenta uma empolgante trama sobre um lugar onde a magia é controlada por meio da música. Neste épico de fantasia, o autor revela como um grupo de bardos do Caos irá combater o delírio imperialista do poderoso Molitor e seu exército, que quer impor a Ordem para todos.


A narrativa é dividida em duas tramas intercaladas. Em alguns capítulos o leitor acompanha a trajetória do jovem Lars, filho de bandidos do Caos que foi aceito como aprendiz de violino no quartel General da Ordem. Nas outras partes, descobre-se como Gibson, Fen, Roland, Pearl e Roads, os Cavaleiros da Tempestade, vão usar sua astúcia e habilidades musicais para salvar aquele mundo dos planos gananciosos do Molitor.


Ao mesclar referências que vão agradar tanto os fãs de música como os apaixonados por fantasia, a narrativa inclui um sistema de magia inovador que apresenta músicos como verdadeiros magos do Caos e da Ordem. Enquanto uma é regida pelo rock, a outra é manipulada pela música clássica.

Gibson não pegou nenhuma arma. Não uma tradicional, pelo menos. Foi atrás da carruagem, pegou a Strat e um dos dois armazenadores de energia caótica enfileirados. Pendurou o instrumento no pescoço com uma correia, colocou o armazenador ao lado dos amigos e eles se entreolharam, para ter certeza de que estavam prontos. Roads só se perguntava o que um homem iria fazer com um instrumento musical em um campo de batalha. Cavaleiros da Tempestade, p. 40

Cavaleiros da Tempestade é o quarto livro de Adriano Rossi, mas marca a estreia como autor de literatura fantástica. Com personagens carismáticos e uma trama envolvente, o goiano destaca-se por suas influências de J. R. R. Tolkien, George R. R. Martin e pelo divertido universo das partidas de RPG do canal Critical Role. Os conceitos de magia e a construção de mundos únicos incorporados à trama promete agradar em cheio os leitores da alta fantasia.


FiICHA TÉCNICA: Título: Cavaleiros da Tempestade Autor: Adriano Rossi Editora: Lura Editorial ISBN/ASIN: 9786556252353 Páginas: 350 Preço: R$ 10,00 Onde comprar: Amazon


Sobre o autor: Adriano Lopes Rossi nasceu em Catalão, Goiás, onde morou os primeiros anos de sua vida. Morou em Curitiba e graduou-se em Medicina pela Universidade Federal do Paraná, mas voltou para sua cidade natal onde hoje atua como endocrinologista. Seu interesse pela literatura cresceu quando começou a praticar para o vestibular. Desde então, já publicou dois livros: o infanto juvenil “A Filha do Oeste” (KDP) e a auto ficção psicodélica “Catorze Domingos” (Lura). Em “Cavaleiros da Tempestade”, Rossi reúne duas das suas maiores paixões a fantasia e a música.


Informações: LC – AGÊNCIA DE COMUNICAÇÃO



15 visualizações

Comments


bottom of page