Buscar

Rimon Guimarães e Felipe Felino lançam novo single no dia 28 de agosto

Música "SIM" também terá videoclipe, que será lançado na próxima semana, no dia 1º de setembro.|

Making of da gravação do videoclipe | Foto: Paulo Candido

“SIM” é o segundo lançamento de Felipe Felino com letra e interpretação de Rimon Guimarães, conta com as participações de Daniel Gralha e Maurício Fleury (ambos integrantes da banda Bixiga 70). Os dois singles precederão o primeiro EP do artista intitulado “Amargo”, que está previsto para ser lançado em breve.

A música será lançada nas plataformas digitais nesta sexta-feira, 28 de setembro e seu videoclipe na próxima terça-feira, 1 de setembro, no canal do Youtube de Rimon Guimarães.


“SIM”, resposta afirmativa de quem quer falar e ser ouvido, conta Rimon.

"Conversa franca que às vezes choca e aguça a reflexão. Quebra paradigmas e provoca mudanças de comportamento. Representa um ponto de vista que, não só aponta os problemas, mas sugere soluções".

No single, Rimon ainda revela seu pseudônimo "Mr. Blaster Rim", um rótulo que criou para fazer rap.

"Tenho outras músicas para serem lançadas no futuro, que são mais melódicas e então o pseudônimo vem mais como uma proteção, algo que se identifica com o rap. E Rim era minha assinatura de graffiti antigamente, daí surgiu essa conexão dos elementos do hiphop rap e do graffiti no meu trabalho".


Rimon é um multi artista curitibano, conhecido por suas pinturas e que vem mostrando suas composições ao público desde 2008. São melodias sutis e coloridas, que contrastam com letras de forte cunho político-social mostrando sua pluralidade. E nessa mistura de talentos, ele criou um atrativo diferente para o pré-lançamento do single "SIM".


"Estamos incentivando o pré-save da música com um brinde. Quem fizer o pré-save ganha um adesivo com a arte da capa. Estamos enviando por correio, pra casa das pessoas que mandarem um print do pré-save, válido em todo Brasil até 28 de agosto".

Felipe é natural do Mato Grosso do Sul, mas hoje mora em Curitiba. Ele estreou nas plataformas de streaming com seu single “Catinga”, em maio de 2020. A canção instrumental de cores densas mescla um hip hop nada convencional com timbres eletrônicos e gravações manipuladas. É a estética que o compositor promete carregar em seus próximos lançamentos.

Para entregar a mensagem, o arranjo de trap se confunde com o boombap e o funk carioca, situando a música na contemporaneidad e brasileira de forma incisiva. O instrumental agressivo e elegante mistura timbres organicos, sintetizados e processados numa produção de Felipe Felino com os trompetes de Daniel Gralha e sintetizadores Maurício Fleury. 

67 visualizações