Buscar

Como um jogador recreativo se tornou campeão mundial de poker


Você conhece algum outro esporte onde um amador pode ser campeão mundial? Eu não. Só no poker. No ano passado, eu tive o privilégio de ver de perto o jogador recreativo Roberly Felício se tornar o 4º brasileiro campeão mundial de poker. O Roberly superou os mais de 13 mil pessoas no Colossus, o torneio de US$565 que teve o maior field da WSOP 2018, e trouxe o quarto bracelete da história pro Brasil. Ah, e um prêmio de “apenas” US$1.000.000 também.

(FOTO: REPRODUÇÃO SUPER POKER)

Eu sei o que é ganhar um bracelete, lembro do meu como se tivesse acontecido ontem. Foi o momento mais emocionante da minha carreira até agora. O maior sonho de um jogador. Gostei tanto que continuarei indo pra WSOP todo ano pra tentar sentir aquilo de novo! Só que tem uma diferença entre o meu caso e o do Roberly. Poker é o meu trabalho, eu sou um profissional. O Roberly é um jogador recreativo, ele não vive disso. E, mesmo assim, nós dois somos campeões mundiais! Como o próprio Roberly disse, o título dele simboliza essa grande magia do poker. A diferença entre o profissional e o recreativo é o volume, a quantidade de tempo dedicado ao jogo e aos estudos. Mas não importa se poker é o seu trabalho ou apenas uma paixão… se você estuda, se você se dedica, se você respira o jogo, você pode chegar! Por isso, estou disponibilizando um novo material com um review completo da mesa final do Roberly, com quase 4 horas de conteúdo dividido em 9 vídeos.

O objetivo é mostrar para os meus alunos que qualquer um de nós pode realizar seu sonho no poker. E agora eu vim mostrar pra você. Isso é o que você aprende na prática com esse material:

  • Como usar a agressividade na medida certa

  • Tirar proveito da sua posição na mesa

  • Analisar e determinar ranges dos vilões

  • Fazer resteal e outras jogadas importantes

  • Jogar por stack

  • Identificar e evitar erros comuns de jogadores recreativos

  • Entender a psicologia do jogo ao vivo

  • Melhorar sua postura e atuação nas mesas live

  • Identificar tells comuns que vemos até em finais da WSOP

Você vai ver que não existe segredo. Como o Roberly conseguiu? O que ele fez de diferente? O que ele fez foi… jogar poker!

Esse mesmo poker que a gente joga no computador, no clube da cidade, no campeonato estadual, no BSOP Millions, na WSOP... O Roberly conseguiu jogar seu A-Game e torceu pra que isso fosse o suficiente pra superar todos os adversários... E foi!!! (FOTO: BRASIL POKER)

Então, se você quer chegar voando no seu próximo torneio ao vivo, e eu te convido para se inscrever no Review WSOP Colossus, meu curso de valor mais acessível. Apenas R$ 97,00. Você vai dar um salto de qualidade imediato no seu jogo investindo menos que o seu último buy-in no club. Espero você!

#RoberlyFelício #TellsnoPoker #DicasdePoker #Poker #pokerlive #Colossus #ThiagoDecano

0 visualização